.................d


22/02/2009

..
Visto o meu traje de gala e danço...
Alheia do mundo, apenas sinto a música que me envolve
Que me liberta...
Neste palco em que actuo
Apenas quero a tua presença como plateia
Pois de outra forma
Jamais conseguiria transportar para esta dança de sentires
O que apenas quero que chegue a ti.
Não quero aplausos, não quero luzes nem mesmo orquestra
Quero apenas que sintas a melodia que te transmito
No compasso dos meus movimentos.
.
Quando te olhar nos olhos e pedir para me acompanhares
Não preciso de palavras...
Apenas quero que me envolvas nos teus braços
E que te deixes levar pelo momento...
Entrelaças as tuas mãos nas minhas
Ternamente encostamos o rosto
E silenciosamente segredamos palavras loucas
Envoltos numa magia profunda.
.
Uma dança perfeita...
A nossa!
.
.
(Som do Silêncio)

11 comentários:

martinha disse...

:))

è Tão terno, especial, doce... o que escreves

Gosto tanto, tanto mas tanto de te ler

fica bem
martinha

Oui C'est Moi disse...

:)
Nunca me senti assim a dançar para alguém...

susaninha disse...

Quando nos amamos mutuamente,o pensamento é mutuo, e sem palavras transmitimos o que queremos, depois a magia que nos envolve trata do resto...

Uma dança perfeita...
Sem musica, só com o sussurrar das palavras, que levemente nos levam á loucura.

Beijinhos bem quentinhos, e bom carnaval.

A.S. disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
A.S. disse...

É a sensualidade dos corpos que marca o compasso e a melodia dos suspiros que acende o desejo e o prazer!...

Þ®¡§¢¡£å £¡§ßøå disse...

Parar o mundo e sentir...dançar...o chão a andar à roda...só "nós" e a musica...

Como percebo-te neste texto,como te entendo minha Querida!!!

Um Enorme abraço de bem-querer!!!

Cotovia disse...

...sonho de cotovia, essa sintonia!

Edu disse...

Nao fosse ja esta melodia feita de notas escrritas como só tu sabes fazer, claro que é uma dança perfeita quando é dançada com quem amamos.
bj

Babes disse...

Um Tango de Amor, na entrega dos Sentires...


Lindo!!!


Meu beijo em Ti

Carlos Barros disse...

Palavras libertas que nos envolvem em cada linha de desejo... de entrega...
Que “dançar” ritmado!

Belo!
.
Doce Beijo!

LORENZO MONSANTO disse...

A dança - corpos que se lêem. Corpos que se encontram. Sílabas mudas que expressam a vontade da alma. Que expressam a linguagem entre siameses.

A dança.
Frenética, ainda.

Adorei a música. Foi bom recordá-la.