.................d


06/01/2008

Quando o sonho se desmorona
Não existem palavras
Que descrevam a dor...
É tão brutal...sinto-me a desfalecer...

Ficam as lembranças dos momentos
E nas lágrimas que caiem
São visíveis as nossas imagens os nossos sons...
Nada mais!

Quando o sonho se desmorona
Para trás fica uma história!
Uma história? Que história? Foi alguma vez?
Já não sei....
A mentira prevalece...
A tela deste filme desaparece
Com o descer das cortinas
Fica um sabor amargo no ar...
A palavra retorno é retirada de mim
Com a ajuda da certeza com que vivo actualmente!
Não voltes...
É tarde demais para pedir desculpa...



(Som do Silêncio)
Som de: Justin Timberlake

16 comentários:

Maria disse...

Com a mentira, que eu não suporto, é sempre tarde demais para pedir desculpa.........
... melhor não pedir, e seguir em frente...

Beijo, Som do Silêncio

NETMITO disse...

Escuta o som mais puro da tua voz...)
Bom Domingo:)

Ana disse...

Bom 2008, ó gira ;)

FM disse...

MERECES o PRÉMIO que aguarda por TI no meu Bloguinho.
Obrigado pelo contributo para que o meu cantinho seja, cada vez mais, um Blogue com boas Essências.
PARABÉNS!

mnemosyne disse...

Na boca das palavras a boca da alma...um poema muito sentido.
Um beijo

Oliver Pickwick disse...

Ei, garota, só mesmo uma poetisa capaz de ouvir o som do silêncio, poderia descrever o fim do amor com versos tão bonitos.
Beijos silenciosos!

Maria Clarinda disse...

Nunca é tarde....Jhs mil

oArtista disse...

Que essas lágrimas que caem lavem as dores da tua alma e te ajudem a florescer novamente. Quando a mentira, mesmo que inocente, entra, melhor abrir a porta e sair.
Um beijo, suave, carinhoso, um abraço e um ombro...se o quiseres.

oArtista disse...

Podes ler-me sempre que desejares.
Agrada-me saber que te faço bem.
Beijos

Azul disse...

Bom dia amiga Linda!!!

É... às vezes é tarde demais...

Mas... nunca tarde demais para seguir em frente...

Beijoca grande
Azul

MIMO-TE disse...

Como sempre lindissimo Som! Mas se um sonho se desmorona é simplesmente porque não era um sonho, era somente uma ilusão! (um sonho é um projecto). Geralmente sabemos a diferênça entre sonho e ilusão, sentimo-la. Pelos sonhos luta-se, pelas ilusões apenas se passa e sabemos que não vale a pena lutar.

Bjo e miminhos meus

su disse...

O que quer que seja construído sobre a mentira é porque nunca foi sequer alguma coisa...
Melhor terá sido realmente que tenha havido um fim...para dar oportunidade a um novo recomeço pleno de coisas boas, sinceras, transparentes, que construam a felicidade ao teu redor...principalmente porque uma alma tão bonita como a tua só merece algo igual ou melhor ainda (se houver!).
;))))))))))))))))))))))))))))))
A Vida é mesmo feita disto: de eternos recomeços, mais um passo na estrada, mais um caminho a percorrer, mais uma etapa...mais uma aprendizagem de nós mesmos...e nós continuamos.
Um beijo cheio de força desta tua "amiga" virtual que gosta de te ler através das palavras seja aqui ou seja na Teia...

:)

Angel disse...

Sabes ás vezes a vida prega-nos partidas...faz nos chorar...faz com que quase deixemos de acreditar..mas temos de nos agarrar ao que de bom..tivemos até aqui...um beijinho

Baraújo disse...

lindo...

TU que me lês sabes o tipo de coisas q escrevo... e por isso sabes q me identifico com o q escreveste... pq as palavras têm uma força imensa... e senti-as bastante aki.

linda...

a imagem q escolheste... e nesse campo escolhes mto bem, sem dúvida...

lindo...

a imagem, o texto e o som [este som foi o q ouvias enquanto escreveste?]

um beijo enorme.

Sha disse...

Sabes, eu estou de acordo com a Su.
O que quer que se erga sobre uma mntira, acaba por desmoronar-se.
Mas também já aprendi que uma mentira esconde sempre uma verdade... que nunca é tarde para se descobrir - porque vai, seguramente e quanto mais não seja, ajudar a entender.

Um beijinho grande
Sha

Silêncios de um coração disse...

Encontrei este espaço por acaso e ele é muito lindo, e tem muitas coisas belas e profundas, fiquei estática ao ler este post pois bate muito com o momento atual de miha vida, SE ME AUTORIZAR, com os devidos créditos ao seu blog e a ti, gostaria de postá-lo no meu.
Abraços.