.................d


26/11/2007

O Amor!
O Amor não tem cor, não tem raça!
O Amor não tem país, nem língua...


Vê-se amor no olhar terno desta mãe...
Que importa se sabe ler ou escrever? Ela ama...
Observa-se uma magia fantástica no seu rosto..., eu sinto isso, e acredito que a ela pouco lhe importa se está bem na foto ou não, se tem roupa de marca ou não...
O sorriso dela prendeu-me, é um facto!


Arrepia-me só de pensar que existem mães que abandonam os filhos. Não consigo conceber tal ideia...é brutal demais!
Podem vir com as teorias que quiserem...não me entra na cabeça.
Actualmente existe ao dispor de TODOS, os meios para quem não quer engravidar, por isso não me lixem com a história de fulana....
Ok, existe para mim uma única excepção. Se for num caso de violação, mas caso contrário, não aceito de todo! E estou a referir-me apenas ao abandono de crianças....


Ser mãe é algo que não consigo definir...
Se disser que é o melhor, estou a mentir, pois é muito melhor que o melhor...
Se disser que foi o melhor que me aconteceu, estou a mentir, pois o melhor que me acontece é todos os dias olhar para o meu filho, não só quando nasceu...
Se disser que o amo muito, é...estou a mentir...pois amo-o muito mais!
O resto....é secundário!


Apeteceu-me colorir o texto com as cores que esta mãe nos oferece :)


(Som do Silêncio)

25 comentários:

lurainbow disse...

E... Feliz Natal ''' ??? :(

Beijinhos sem COR

Maria disse...

A fotografia é deliciosa, o puto é maravilhos....
Vou levá-la comigo, já volto pra te ler...

Beijos
(tocáste-me num "ponto fraco".... os putos)

MIMO-TE disse...

Linda a foto e lindo o texto....

Agora, vai ao meu blog.... tenho um desafio para ti.

Beijos

Maria disse...

Nem sei quantas vezes já te li....
Levo o teu post comigo, e a ti também...

Beijo-te, Som do Silêncio
(um dia digo-te porquê)

Dr Mendez (AKA Nitrosferatu) disse...

Só posso falar como pai...
Incondicional, infinito e intemporal, é assim que sinto o amor pelo meu filhote lindo.

Amar é o mais próximo que um ser humano pode estar de ser eterno.


D.M.

vsuzano disse...

ser mãe... ser pai... e quando ele nasceu, e apertou com a sua mão o meu dedo...???

Está tudo dito !

beijo

lua prateada disse...

Linda imagem de amor!...e sim o amor é lindo.Haverà porventura alguem que discorde que é a coisa mais bela que temos em nosso pobre planeta?Beijinho prateado com carinho
SOL

poetaeusou . . . disse...

*
O amor não tem cor
O amor não tem idade
O amor não vê cara nem religião
Não faz diferença do rico e do pobre
O amor só precisa de um coração
O amor não tem tom nem nacionalidade
Dispensa palavras, basta um olhar
,
canta: martinho da villa
*

FM disse...

E fizeste muito bem...
Há cores que nem as palavras conseguem pintar convenientemente...
Pinta sempre, com mais ou menos palavras, com mais ou menos imagens... mas pinta.
Obrigado pelas visitas. És uma simpatia.

Rui Caetano disse...

O amor faz parte do nosso ser, o amor existe no nosso mais íntimo coração, mas precisa que o libertemos com o nosso olhar e com os nossos gestos.

Pierrot disse...

E é tão dificil definir estas coisas...
Sentimentos...
Cores...
Bonito post
Grande foto amiga
Eugénio, The Pierrot

Azul disse...

Olá Querida Amiga!

Ao ler este teu post, lembrei-me de quando me perguntavam "como é ser mãe?!"...

Ainda hoje não consigo descrever.
Apenas sei que é um sentimento maior que eu própria. Que a cada dia me faz ser melhor, crescer. E, sem o qual, não saberia viver.

As minhas filhotas são a luz dos meus olhos... a razão do meu viver.

Beijo grande para ti Mamã de um menino Lindo :)

Azul

Maria Clarinda disse...

E como fizeste bem em colorir o teu texto...estou a mil contigo.
Eu gostaria de um dia poder ter visto e sentido este olhar da minha mãe:(

Fernanda e Poemas disse...

Olá, lindooooooooooooo.
Tudo está belíssimo.
Beijinhos,
Fernandinha

MIMO-TE disse...

Os filhos...
Os meus, os teus, os dos outros, os que não teem pais... Eu sou simplesmente mãe. Mãe dos meus, dos outros que surgem no nosso caminho, sempre mãe....
Mãe amiga, confidente, protectora, atenta, sofrida, feliz, derretida, criativa... mas primeiro que tudo mãe.
Para ser mãe, não é preciso ter filhos. Fui mãe desde sempre, desde a infância, sempre fui mãe.
Por isso tenho filhos quase da mesma idade que eu :) que vivem em mim, que correm para mim, que escuto e aconchego como faz uma mãe.
Mãe... a palavra diz tudo!

Beijo Som, és mãe!

Arcanjo disse...

Que seja então também a tua vida um arco-iris... :-)

Muito sinceramente também não consigo encaixar as atitudes de certas mães... :-(

Beijos com muito amor***

Fátima disse...

Ser mae é sem duvida uma das coisas mais maravilhosas e complicadas da vida.
Tal como tu acho inpensavel que alguém tenha coragem de abandonar uma criança, mais vale que a deixem num desses centros de acolhida, agora abandona-los, deveria ser condenada a prisao perpetua.

Deixo-te um beijo e um desejo de continuaçao de boa semana!

Diannus do Nemi disse...

.

Mãe...

Lindo! Ganhei meu dia ao ver a imagem e as letras...

Beijos.

.

Cöllyßry disse...

Belo poema, com foto linda do Ser Mãe...

Bjca doce

Lua disse...

Ser Mãe é mesmo do Melhor.
Amor de Mãe não tem limites.
Parabéns pelo excelente texto...
"Que importa se sabe ler ou escrever? Ela ama..."
Parabéns a Ti a mim e a todos os que sabem amar assim.

Fallen Angel disse...

Deixo-te beijos, numa explosão de cores. *

impulsos disse...

E coloriste muito bem!
Não só com as reais cores do parco traje desta mãe, como também com as cores do teu sentir em relação ao ser... mãe!
A foto é um espelho da felicidade de uma mãe!!

Beijo

marias disse...

SOM DO SILÊNCIO
Adorei a tua visita e vim conhecer-te... e hoje que estou uma chorona
cairam-me as lágrimas também ao ler este post.

Também amo imenssissimo a minha filhota... o meu amor infinito...mas como tu, digo foi o melhor que me aconteceu mas é ainda melhor poder olhar para ela todos os dias e vê-la a crescer sorrindo...

Foi bom encontrar-te!...

Beijinhos para ti e filhote

JOSÉ NEVES disse...

Simplesmente fantástico, que maravilha esse teu amor.

Parabéns.

Um grande Abraço.

suruka disse...

Bem
mesmo fazendo um grande esforço
acho que nao me lembro de ter visto imagem tão ternurenta.

E depois acompanhada do que dizes a respeito.

Gostei muito.

(roubei-te a foto )

bj