.................d


23/03/2007

...


O meu corpo preenche-se de mar...
Sê comandante dos sentidos
E nele desenha a rota que quiseres!
(Som do Silêncio)

25 comentários:

Lu@r disse...

Hum...
Um convite ao prazer total.

Intenso..


Até já
Beijo meu

Márcia disse...

Lindo silêncio...

Palavras para quê?

beijinhos

Enfim... disse...

vou optar por n comentar pode ser lol.Bjokas

}}cleopatra{{ disse...

Olá som do silêncio!

E assim... serenamente...
Breves palavras
Um convite
Um desejo
...
...
...

Um beijinho soprado

Klatuu o embuçado disse...

Cuidado com os piratas. E com aquele emérito arpoador da Moby Dick.

.*.Magia.*. disse...

A rota dos sentidos...
Um deles é a praia onde traças o teu olhar!
...
Kiss Homónimo e Mágico!

.*.Magia.*. disse...

Voltei para dizer que não se ouve a musica :(

.*.Magia.*. disse...

Voltei para dizer que agora já se ouve :)

Terei feito magia????

hehehhe

david santos disse...

Olá!
Venho felicitar-te pelo teu trabalho e desejar-te um bom fim-de-semana

Vera disse...

Que bom um oceano assim esperando o seu comandante!

Beijos

Rafaela disse...

..()""()
.("( 'o' ) ....Entrei...
,-)____)'--.
"=(o)==(o)='


-----\\\\//-------
------( @@)-------...Dei uma olhadinha básica...
---ooO--(_)--Ooo-


(\)__(/) ...E parei...
(=*.*=) ...Só pra te deixar um oizinho!!!!
(")__(") ...
Bom fim de semana!!

Fofa disse...

Não acredito que consiga resistir a fazer tal viagem...!

;)

Bjo fofo

£oµ¢o Ðe £Î§ßoa disse...

Desenho a rota e no fim lanço a ancora!

Até outro instante
Kiss

Carlos Gameiro disse...

Olá Som do Silêncio.

Deixa-me ser livre no teu mar,
ser uma caravela de mil velas...
e impelido pela brisa dos nossos sentidos,
a um cais dos sonhos aportar!

Beijitos...

Luís disse...

Um mar diferente. O mesmo porto.

o alquimista disse...

Rota para o infinito...vela branda...estrela guia...


Doce beijo

Pedro Branco disse...

Não sei da onda que te cobre
Nem do desejo de te cobrir
Talvez apenas uma palavra sobre
Quando nada mais se faça sentir...

Não sei do mar que te quer
Nem do vento que te desenha
Talvez um perfume de mulher
A chamar-me para que venha...

Não sei de ti, finalmente
Nem se um dia teu cheiro me cobrirá
Talvez uma inquietação dormente
Ou apenas uma noite que não há...

Não sei, ou talvez saiba
Que tudo são marés de dentro de nós
Onde cabemos ou quem sabe ninguém caiba
No comando à procura da nossa voz...

João C. Santos disse...

não atento o teu pedido..


espero-te

João Cordeiro disse...

Belissímo... divino.

Obrigado igualmente pela belas palavras.

Beijinho sonhador

Lobo disse...

Navegar é preciso, mesmo que navegando impreciso.
Belo blog, ótimos escritos, voltarei + vezes.
Bj.

Luciana disse...

Simples e lindo! Profundo! Gostei :D

Beijos

Brain disse...

Nas rotas dos teus sentidos,
Elevo todos os meus sentires,
Com beijos marcarei os caminhos,
Para que possamos os dois sozinhos,
Ir nas direcções que quiseres seguires.

Leva-me então tu,
Pelos caminhos do teu corpo,
Num banquete de prazeres,
Num deleite de queres,
Até que de cansaço jaza o meu qual morto,
Ás portas desse teu, que é meu porto,

E assim,
Possas preencher-me,
Com esse teu mar,
Tu, a mim!

Beijo.

Filipe disse...

ui ui ui...

Yardbird disse...

Tudo em breves palavras.~
Só falta conhecer as artes de navegação.
Muito bonito

Utzi disse...

Tão simples e tão bonito...

Beijo