.................d


06/10/2008


"E é amar-te, assim, perdidamente...

É seres alma, e sangue, e vida em mim

E dizê-lo cantando a toda a gente "

10 comentários:

Maria disse...

Ser poeta é ser mais alto...

E é muito bom...
Amanhã?

Beijo

impulsos disse...

"É ter fome...
É ter sede de infinito..."

Simplesmente belo!

Beijo

HNunes disse...

...É ser maior do que os homens..." Bjos de que tem andado sileciosa.
L.

ZeManel disse...

É dar-te tudo e receber-te na totalidade.
É...!
Bjs :)))

poetaeusou . . . disse...

*
espancado de ternura
fico
com espanca,
,
brisas deixo,
,
*

suruka disse...

Boa escolha
como sempre.

E não saber sequer que se deseja.

bj

BrokenAngel disse...

Simplesmente um dos melhores sonetos portugueses... pelas mãos de uma das maiores poetisas...

Essência Pura disse...

Perfeita sintonia...
Imagem + Palavras...

Teus sentimentos...lindo...

Beijos

Miriam

AF disse...

É demasiado bonita esta música :)

Baraújo disse...

grande momento...

como tu tao bem sabes criar...

esta musica e este soneto ja me proporcionaram grandes momentos na vida... obrigado por os relembrares.

beijo terno