.................d


17/09/2007

Não estás sózinho...

Tens como companhia a solidão...

Deixa-me chegar a ti, nem que seja em pensamento!

Não estás sózinho, estás em mim, tu sabes!

Queria apenas abraçar-te...queria sentir-te...nada mais.

Fosse cada lágrima tua uma carícia minha...

Fosse o ar que respiras o beijo terno que te dou...

Fosse esta minha saudade os braços que te envolvem...

Percebe que não estás sózinho....estou aqui!

Abraço-te!

Sente-me!



(Som do Silêncio)

10 comentários:

Maria disse...

Excelente poema, Som do Silêncio, excelente...

Um beijo

MADRUGADA disse...

É muito bom quando alma transparece o que nos corre por dentro da mesma.

As palavras não me deixaram só!

Gosrei.

Cumprimentos.

MADRUGADA disse...

* Gostei.

-Quiz eu dizer.

;)

Madrugada disse...

Quiz de quizer.

ahahaahahahahaaha.

*QUIS.

impulsos disse...

Mesmo parecendo... nunca se está sozinho, quando se tem alguém no pensamento!...

Lindíssimo este som do teu silêncio que hoje encontrei aqui!

Beijinho

Bichinho disse...

Estar só de ti é muito!
Quero-te conmigo!

Adorei.
Beijo fantasma.

Brain disse...

Sabes Som,
Por vezes,
Mesmo sabendo-o,
É difícil senti-lo!

Muito difícil...

E palavras como estas,
Por vezes,
Precisam-se!

ADOREI!

Beijo.

suruka disse...

Mas é impossível
estar-se ou sentir-se " SOZINHO "
contigo á distancia dum Klic.

bj

Azul disse...

Olá Linda!!!

Claro que não está... como poderia?!

Beijinhos

Azul

Lu@r disse...

Senti, aqui dentro de mim.

Beijo